Funções inorgânicas: óxidos

Óxidos

O granito, é uma das rochas mais comuns no Brasil, ocorre na Serra do Mar, da Mantiqueira e serras próximas às Guianas

Ao realizar a análise de um granito da Serra do Mar encontramos a seguinte composição :

Funções inorgânicas óxidos

Óxido de Silício(SiO2) – 68,5%

Óxido de Alumínio (Al2O3) – 14,2%

Óxido de Potássio (K2O) – 4,2%

Óxido de Sódio ( Na2O) – 3,6%

Òxido de cálcio ( CaO) – 3,2%

Óxido de Ferro III(Fe2O3) – 2,1 %

Òxido de magnésio(MgO) – 1,9%

Óxido de Ferro (FeO) – 1,4%

Óxido de Titânio (TiO2) – 0,4%

Óxido de Fósforo( P2O5) – 0,2%

Verificamos que todos são óxidos pois são compostos formados por dois elementos químicos, dos quais um é o oxigênio.

A exceção fica por conta da H2O(água) e do OF2( Fluoreto de oxigênio), não são classificados como óxidos, por apresentarem propriedades químicas e físicas diferentes destes compostos.

Principais óxidos

Peróxido de Hidrogênio – H2O2 – Em solução aquosa ele é chamado de água oxigenada; um de seus usos é a desinfecção de ferimentos.

Óxido de hidrogênio – H2O – Nem é necessário dizer o quanto a água é importante para a vida dos seres vivos, não é mesmo? Ela representa 70% da matéria que forma a crosta terrestre.

Dióxido de Carbono – CO2 – Conhecido como gás carbônico, é o ar que expiramos na respiração, o gás dos refrigerantes e outras bebidas espumantes, utilizado também em extintores de incêndios; no estado sólido, ele é conhecido como gelo-seco.

O acúmulo de CO2 na atmosfera provoca o chamado efeito estufa.

Monóxido de Carbono – CO – é utilizado na obtenção de certos produtos químicos e na metalurgia do aço. É, normalmente, o principal poluente atmosférico das zonas urbanas.

Ele se origina da queima incompleta de combustíveis, como a gasolina, o diesel, etc. Ao ser inalado, combina-se com a hemoglobina das hemácias do sangue, impossibilitando sua ação no transporte do oxigênio.

Dióxido de Enxofre – SO2 – É utilizado para a produção de ácido sulfúrico e para o branqueamento de óleos alimentícios. Quando liberado na atmosfera, origina a conhecida chuva ácida, que corrói a estrutura das construções das cidades e provoca sérios danos à vegetação, principalmente para a agricultura.

Óxido de Cálcio – (CaO) – é conhecido por cal viva. Ela é obtida a partir do aquecimento do carbonato de cálcio (CaCO3). Ao misturarmos a cal viva com água, ocorre uma grande liberação de calor, dando origem à cal extinta [Ca(OH)2], que é utilizada na preparação da argamassa na construção civil. Outra utilização do óxido de cálcio é como corretivo de solo, diminuindo sua acidez.

Dióxido de Silício, Sílica – (SiO2) – a sílica constitui a areia comum; é uma substância muito abundante na Terra. Ela aparece na forma de silicatos complexos em todas as rochas que constituem a crosta terrestre.

Óxido de Alumínio, Alumina – (Al2O3) – A alumina é outro óxido muito abundante na crosta terrestre. Pode se apresentar como um mineral duríssimo: o coríndon (só perde em dureza para o diamante) ou como pedras semi-preciosas (exemplos: esmeralda, rubi, safira).

Saiba mais:

Ácidos

Bases

Sais

Óxidos