Dieta para Gestantes

Está provado que, durante a gravidez, as mulheres gestantes devem tomar cuidado extremo com a sua dieta, porque a vida do bebê depende de uma boa nutrição da mãe. No entanto, é falsa a crença de que quanto mais você come, o bebê vai nascer saudável.

As mulheres grávidas devem comer bastante para sustentar uma nova vida, é verdade, mas principalmente elas devem comem uma grande variedade e qualidade. Ambos são a máxima que deve reger a dieta de uma gestante.

Normalmente, a mamãe gestante engordará entre um quilo e um quilo e meio por cada mês de gestação, o que significa que irá aumentar entre 12 e 14 quilos de peso durante a gravidez.

Superar estes números representam um peso excessivo que supõe-se um excesso de gordura para a mãe e a criança.

Claro que não ganhar peso bastante também é prejudicial ao bebê, especialmente se o ganho de peso é inferior a 4,5 quilos. Dietas de emagrecimento são estritamente proibidas durante a gravidez porque o feto recebe menos nutrientes do que deveria.

É o seu médico que irá acompanhar a boa saúde da mãe e da criança, e indicar as correções na alimentação.

Uma alimentação equilibrada

O ideal da dieta de uma gestante, como já dissemos, deve ser qualidade e variedade. Refeições, por conseguinte, ser rica em alimentos diversos, nos quais estão presentes em abundância, alimentos frescos, principalmente cereais, frutas, legumes, peixe, carne, ovos e laticínios.

Além disso, de cada grupo dos mencionados, é necessário incluir todos os tipos de produtos para garantir que você está recebendo todos os nutrientes de que necessita neste período-chave da vida.

É importante ressaltar que não pode se consumir um determinado tipo de alimento em excesso e, claro, faltar determinado produto na dieta.

No que respeito às necessidades calóricas da gestante não são tantas como se acredita tradicionalmente. Para o correto desenvolvimento do feto é suficiente aumentar 250 calorias na dieta diária.

É muito importante que grande parte deste aumento seja proveniente de proteínas (carne, peixe, ovos, legumes e produtos lácteos).

Proteínas, gorduras e ácido fólico

As Proteínas dos produtos de origem animal e vegetais são essenciais para a dieta humana e, portanto, da mulher grávida. Não pode faltar também vegetais(frutas e legumes) e cereais, sempre ricos em fibras e sem açúcar.

Por outro lado, evitar a ingestão de gordura, salgadinhos, refrigerantes açucarados e doces. O sal é necessário para a gravidez e não deve ser removido da dieta, mas precisa usá-lo com moderação e sempre preferindo o sal iodado.

A Vitamina fundamental para as mulheres gestantes é o ácido fólico. Pertencente ao grupo B, pode ser encontrada em vegetais de folhas verdes, aspargos, legumes e fígado. Para as mulheres grávidas é essencial tomar pelo menos 0,4 mg. desta vitamina por dia, principalmente nas primeiras semanas.

Uma boa fonte de ácido fólico ajuda a proteger o feto de ter certos defeitos congênitos no cérebro e coluna vertebral. Pode ocorrer casos de deficiências desta substância, já que pela alimentação exclusivamente pode ser difícil de obter todo o montante necessário, o especialista pode recomendar complexos vitamínicos adicionais.

Hábitos alimentares saudáveis

Como em qualquer hábito saudável, uma mulher gestante deve comer três refeições por dia, se sofrer de problemas estomacais, pode ser estendido para cinco ou seis porções, reduzindo, obviamente, a quantidade de alimento em cada um. Para superar a fome entre as refeições, queijo, iogurte, suco, frutas e legumes devem ser os melhores petiscos, descartando as fontes de gordura, como bolos, salgadinhos de batata ou as bebidas açucaradas.

Uma mulher gestante precisa ter o seu corpo bem hidratado e, portanto, tem que beber bastante líquido. Recomenda-se beber pelo menos cerca de oito copos de líquidos diariamente. A água pode ser complementada com um copo de suco de fruta e um par de copos de leite.

Por outro lado, uma mulher grávida deve ter cuidado com a ingestão de cafeína. Cuidados devem ser tomados com café, chá, achocolatados e estimulantes. Todos estes produtos têm cafeína em quantidades variáveis e devem ser consumidas com moderação.

Em comparação com outros hábitos, não alimentares neste caso, é totalmente proibido fumar e beber álcool. Também é essencial não tomar medicamentos sem prescrição do médico.

Um guia para una dieta variada

Aqui está uma lista das necessidades diárias necessárias de uma gestante por tipo de alimento. Não se esqueça que este é um guia indicativo e, na verdade, é um médico que pode aconselhá-la melhor para cada caso em particular:

Frutas (2-4 porções): Lembre-se que uma porção é meia xícara de fruta cortada, uma fruta média (como uma pêra ou maçã) ou três ameixas.

Cereais(6-11 porções): uma porção equivale a uma fatia de pão, 150 gr. cereais ou 100 gr. arroz ou macarrão.

Laticínios (3-4 porções): A porção é um copo de leite, dois iogurtes, 150 gr. de queijo ou um pudim.

Proteína (2-3 porções): Uma porção é um filé de carne bovina, frango, peixe ou dois ovos.

Legumes (3-5 porções): uma xícara de legumes crus ou meia xícara de vegetais cozidos.

Imunidade alimentos e dieta

imunidade alimentos e dieta

Com uma boa dieta e os alimentos adequados que aumentam a imunidade do seu organismo você  se fortalecer no combate a doenças,  radicais livre e no retardamento dos efeitos do envelhecimento no organismo.

Muitos são os fatores que interferem no sistema imunológico: estresse, poluição, agrotóxicos e deficiência de nutrientes são exemplos de causas que interferem no bom funcionamento das defesas do nosso organismo.

Com prática regular de exercícios e  uma boa alimentação, você pode manter a sua imunidade em alta e ter uma vida mais saudável.

Abaixo colocamos algumas dicas de alimentos que não podem faltar na sua dieta.

Tomate

É um dos melhores combatentes contra o câncer de próstata. O licopeno, pigmento responsável pela coloração vermelha da fruta, tem a capacidade de se acumular na glândula prostática e inibir o crescimento de células cancerígenas.

Uma das boas notícias é que os benefícios são ainda maiores quando consumido na forma de molho, claro que não estamos nos referindo a versão em lata e cheia de conservantes.

O aquecimento aumenta a absorção de licopeno pelo organismo. É recomendado o consumo de 1 unidade por dia, e quanto mais vermelho melhor.

O licopeno é melhor absorvido na presença de gordura por ser lipossolúvel( dissolve na gordura), portanto uma dica é preparar o molho com um fio de azeite.

Cogumelo

Tem alto índice de proteínas, mas contém também fibras, minerais, vitaminas e mais duas substâncias muito importantes as betaglucanas e a eritadenine, que contribuem para reduzir o acúmulo de gordura no sangue e as taxas de colesterol.

Gengibre

Combate as inflamações da garganta e das vias aéreas e pode ser usado no combate a enjôos como calmante do estômago. Muito rico em vitamina C e B6 que ajudam nas defesas do organismo, e ainda contém gingerol que tem ação comprovada no combate ao câncer.

Frutas Vermelhas

Morango, framboesa, uva, amora, todas estas frutas possuem antocianinas e flavonóides que são as substâncias responsáveis pela cor vermelho-arroxeada. Outra fruta muito importante deste grupo é o mirtilo(blueberry), pois ajuda a reverter a queda das funções cerebrais e aumenta a liberação de dopamina, que tem a função energizante e estimulante.

Pimenta

Uma das melhores fontes de betacaroteno, que se transforma em vitamina A e auxilia o organismo na luta contra todo tipo de infecções.

É aquela substância que faz a boca arder, a capsaicina, age na liberação de endorfinas e na dissolução de coágulos sanguíneos, que ajuda no controle de colesterol e prevenir a arteriosclerose.

Chá Verde

Esta erva estimula o crescimento de bactérias que são benéficas ao intestino e inibe a ação das maléficas.

É muito importante que nosso trato intestinal esteja em perfeito funcionamento, cerca de 70% do nosso sistema imunológico depende disto. É recomendado que se tome 4 xícaras de chá por dia para contar com os benefícios do chá-verde.

Batata Doce

Este tubérculo tem poderes incríveis para o bom funcionamento do sistema imunológico, atua no combate ao mal de Parkinson, males do fígado, problemas cardíacos e câncer.

Canela

Impede o desenvolvimento de bactérias no organismo, inclusive no combate ao mau hálito e alguns estudos apontam para a sua utilização no combate ao diabetes tipo 2.

Figo

Rica em fibras, que contribuem na regulação dos níveis de insulina, no funcionamento do intestino e na diminuição da velocidade do envelhecimento.

Conta ainda com polifenóis, que impedem a degradação celular pela ação da poluição, fumo e estresse. Deve ser consumida com moderação, o seu excesso favorece o acúmulo de gordura, recomenda-se quatro unidades da fruta por semana.

 Romã

O consumo desta fruta está associada à diminuição dos riscos de desenvolver doenças do coração e câncer, pois é rica em flavonóides, substâncias que controlam o colesterol e regulam o fluxo sanguíneo para o coração.

 Salmão

O peixe é um alimento rico em ômega-3, um óleo saudável e com ação antioxidante.

Do salmão retira-se o DMAE, substância que tem sido utilizada há muito tempo para conservar o aspecto jovem da pele.

Castanha-do-Pará

É muito rica em selênio, mineral antioxidante que diminui a degeneração cutânea e cerebral e ainda conta com o magnésio, que interfere na atividade muscular e cardíaca.

Brocólis

Repletos de fósforo, magnésio, potássio, cácio e vitamina C.

Uma xícara tem 10% da dose diária recomendada de ferro e Vitamina C que um adulto necessita.

Linhaça

A semente é fonte de ômega-9 e ácido alfa-linoleico, que ajudam o intestino e coração a funcionar melhor. pois equilibram os níveis de gordura no sangue. O melhor é consumi-la triturada ou na forma de farinha.

Se germinar as sementes num copo d’água da noite para o dia o seu poder de força é aumentado muito.

O que é colesterol alto

colesterol alto

As causas do colesterol alto são múltiplas e muitas vezes incluem disfunções genéticas hereditárias que determinam uma superprodução de colesterol e uma ineficaz eliminação do sistema.

Embora a maioria das pessoas pensam que ter o colesterol é conseqüência de uma dieta inadequada, obesidade … A hereditariedade também é uma causa comum de acumulação excessiva dessa substância no nosso corpo.

Continue lendo “O que é colesterol alto”

Vitamina C

Vitamina C

Apesar de se ouvir falar muito sobre esta vitamina, poucas pessoas conhecem como a Vitamina C age, quais os benefícios do seu consumo e quais os alimentos que contém esta vitamina.

A vitamina C, também conhecida como ácido ascórbico(AA), é muito importante na fabricação de colágeno, uma proteína que dá resistência aos dentes, tendões, ossos, paredes dos vasos sanguíneos e dentes. Tem uma atuação como antioxidante, pois combate os radicais livres, produzidos pelo uso do fumo e pela poluição e age na digestão dos alimentos

Continue lendo “Vitamina C”