Dieta da Sopa

HTML clipboard

A dieta da sopa tem a vantagem de nos ajudar a perder alguns quilos em poucos dias e também facilitar a limpeza de todo o organismo.

Como é a dieta da sopa?

A dieta da sopa foi criada em um hospital dos EUA para pessoas com doenças cardíacas e excesso de peso, que precisava perder peso antes da cirurgia.

Você tem que comer durante 7 dias só o que a dieta da sopa recomenda para perder 4,5-7 quilos, eliminando álcool, produtos de farinha, doces e refrigerantes.

A sopa é como um curinga, que tomamos quando sentimos fome, para acalmar a ansiedade.

Esta dieta tem contra-indicações não pode ser realizada por pessoas com diabetes ou aqueles com insuficiência renal crônica, por isso, é importante consultar um especialista antes de realizá-la.

Modo de preparação da dieta da sopa

Você tem que cozinhar em 10 litros de água: 6 cebolas grandes, 2 pimentões verdes, 2 latas grandes de tomate ou 6 tomates pelados, 1 talo de aipo, 1 repolho, sal e pimenta.

Tudo é cortado e coloca-se para ferver, quando os vegetais são cozidos, passa-se pelo liquidificador e se guarda para tomar quente ou frio, conforme o gosto.

Modo de tomar a dieta da sopa

  • Primeiro dia: comer somente a sopa e frutas, menos bananas. Bebidas devem ser de sucos naturais, café ou água.
  • Segundo dia: legumes frescos cozidos no vapor durante o dia, juntamente com a sopa. À noite você pode comer uma batata cozida.
  • Terceiro dia: pode comer frutas, legumes e sopa. Não coma bananas ou batatas. Durante o terceiro dia, deverá ter perdido entre 1,5 kg e 3 kg, depende da constituição.
  • Quarto dia: tomar sopa apenas, leite desnatado, este último a vontade, e pelo menos 3 bananas.
  • Quinto dia: Aqui podemos comer carne ou peixe, 125-250 g e 6 tomates frescos descascados. Beba muita água e tome a sopa pelo menos uma vez.
  • Sexto dia: sopa pelo menos uma vez. Carne, 2 ou 3 bifes, e todos os vegetais que você quer.
  • Sétimo dia: sopa pelo menos uma vez. Arroz integral, legumes e sucos de frutas.

Em todos os casos, recomendamos consultar o seu médico, terapeuta ou outro profissional de saúde qualificado. A informação contida neste artigo é apenas para fins informativos.

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *